O que não deves esquecer na tua Facebook Fan Page

Tens um blog? Criaste uma página no Facebook recentemente e não sabes como alimentar o perfil para que os likes e as visitas cresçam? Pensa connosco:

Manter uma página actualizada pode não ser tão simples como achamos. Deve ter-se em consideração a linha editorial que se pretende seguir, o tipo de conteúdos que serão partilhados, qual o público-alvo definido e todo o espólio de temáticas a abordar. Para que tudo bata certo no perfil da tua página, damos-te algumas dicas:

2.jpg

Criar uma comunidade

Escrever com a sensação de que ninguém vai ler pode ser desanimador. Por isso, criar uma comunidade é o ponto mais importante a ter em conta quando se gere uma página na rede social. Ir ao encontro do que há em comum entre a tua página e os seguidores e possíveis seguidores da página pode ser um passo importante para que o número de pessoas na comunidade comece a aumentar. Quanto maior for a comunidade, maior será a interacção dos utilizadores na página – através de comentários, reacções, likes e partilhas.

O grande truque passa por pensar no que as pessoas gostariam de ler e/ou consumir e organizar o planeamento consoante esses parâmetros.

3.jpg

Dar atenção aos conteúdos

São maioritariamente os conteúdos que vão apelar a que a comunidade cresça. Manter um discurso directo, simples e fluído que dê um ambiente credível à página pode ser o primeiro passo. Logo depois, conteúdos apelativos, fotografias e vídeos com boa qualidade devem ser tidos em conta.

Neste ponto, também te deves focar nas tendências. Se são os GIFs a tendência, é por GIFs que deves também optar. Se nada do que tens publicado resultar junto do público que pretendes atingir, facilmente percebes isso nos resultados das estatísticas da página.

Desenhares uma estratégia de comunicação para as diferentes redes sociais e ter um planeamento a seguir pode ser o mais acertado a fazer. Essa será uma forma de saberes sempre o que vais publicar, onde e a que horas. Repetir conteúdos pode ser uma falha que impulsionará os seguidores a deixarem de seguir a tua página e o teu trabalho.

4

Rentabilizar recursos

Se podes ser tu a tirar as fotografias e se até tens um bom olhar para enquadrar os grafismos nos conteúdos que pretendes criar, vale-te disso nos primeiros tempos. Pode não ser uma boa decisão gastar já o budget que tens se a comunidade ainda não é alargada nem consistente.

Tens um amigo que gosta de explorar as funcionalidades da máquina fotográfica e até consegue uns trabalhos giros? Pensa em estabelecer uma parceria

5

Associar-se a outras marcas

O teu blog aborda temas como desporto e vida saudável? Então talvez fizesse sentido estabeleceres parcerias com marcas que queiram colaborar contigo e com os conteúdos que publicas. Quanto maior e mais alcance tiver a marca, mais probabilidades tens de te associares ao buzz que há à volta dessa marca. Nesse caso, reputação puxa reputação e o teu espaço pode começar a ser um ponto de referência para quem consome a marca em questão.

Guarda um tempo para te sentares a pensar nos tópicos relevantes para a tua página e vai anotando que marcas se identificam com essas áreas de actuação. A partir daí, é uma questão de tentares contactar as marcas e perceber se têm disponibilidade para estabelecer uma parceria contigo e com a tua página.

6

Promover interacção

Criar uma comunidade não basta. É preciso que as pessoas se sintam presas à página e que gostem dos conteúdos partilhados. Para isso, é importante que, para além de teres em conta todos os pontos que mencionámos acima, fales com as pessoas.

Há comentários? Responde. Há partilhas? Agradece o interesse e mantém as mensagens personalizadas a cada pessoa.

Humaniza a página. Partilha pedaços da tua rotina que façam com que as pessoas se identifiquem. Mostra o teu lado humano e rotineiro, pois isso pode ser um ponto que faça as pessoas escolherem o teu conteúdo por mostrares uma certa proximidade entre o que te preenche os dias e o que preenche os dias delas. A juntar a isso: promove o diálogo e uma relação de comunidade entre ti, a página e os seguidores. Só dessa forma vais chegar às pessoas e fazer com que elas sigam o teu trabalho com interesse e afinco.

One thought on “O que não deves esquecer na tua Facebook Fan Page

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s