Estará o Instagram em vias de extinção?

Hoje em dia, a nossa presença nas redes sociais está de certo modo camuflada por filtros, tentativas de poses e momentos perfeitos. 

Vivemos numa era onde não gostamos de esperar e queremos efeitos imediatos para as ações que tomamos. Estamos constantemente a partilhar conteúdos e a procurar por mais. Antes de publicarmos algo, revemos se não nos escapou nada porque procuramos a perfeição em tudo o que postamos.

Mas será que tem que ser sempre assim? Será que temos de ser prisioneiros da perfeição e sermos nós próprios não chega? Será que não podemos ter um relacionamento mais saudável com as redes sociais?

Este foi, de certo modo, o pensamento de David Dobrik – um youtuber eslóvaco de 24 anos. Com o objetivo de renascer a diversão inerente às máquinas analógicas descartáveis onde o resultado final era imprevisível, David criou a Dispo App. A inspiração para este nome derivou do conceito de disposable camera, ou seja, câmara descartável em português.

A lógica subjacente à Dispo App é semelhante à que encontramos no Instagram ou no VSCO. Mantém-se a possibilidade de seguir pessoas, comentar e colocar “gosto” nas fotografias. No entanto, ao contrário de outras redes sociais, para além de não nos ser dado acesso imediato às fotografias que tiramos, também não as podemos editar ou adicionar legendas aos conteúdos que partilhamos. 

Ao abrir a câmara incorporada na aplicação, temos acesso ao view finder, a controlos de zoom e à opção de flash. À semelhança das máquinas, ao tirarmos fotografias não temos acesso imediato a elas. Assim, temos que aguardar pela notificação da sua “revelação” que ocorre às 9h da manhã seguinte. Depois destas serem desvendadas, podemos escolher quais e como pretendemos postar, uma vez que podemos optar por publicá-las individualmente ou criar um “rolo” com outros utilizadores. Para salvaguardar que não perdemos as nossas fotografias favoritas, temos ainda a possibilidade de as salvar na galeria ou de adquiri-las em formato físico.

A única diferença relativamente às máquinas descartáveis assenta no ponto de que não temos limite de fotografias, podendo tirar quantas entendermos. O facto de não estarem automaticamente disponíveis e de não serem editáveis, leva a que os utilizadores possam desfrutar mais do momento e que as fotografias possam ser mais autênticas e nostálgicas. 

De momento, a aplicação encontra-se apenas disponível para os dispositivos iOS e para conseguires criar uma conta, necessitas que alguém que já use a App te convide. No entanto, a recente aplicação de fotografia ocupa já o top 5 da sua categoria na App Store, ultrapassando aplicações como a Google Photos.

O conceito é simples: captura o momento, organiza as tuas memórias, partilha com os teus amigos e sê tu próprio! Como o criador da Dispo app diz: “Let’s get back to reality” and “Live in the moment”!

Texto por: Inês Oliveira

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s